/ Vista Gaúcha / O primeiro ano do prefeito que não teve adversários em Vista Gaúcha
Imprimir notícia

Tamanho da letra

22/12/2017 ás 07:40 por Vista Gaúcha
O primeiro ano do prefeito que não teve adversários em Vista Gaúcha
Prefeito Dal Cero (Foto: Jonas Martins)
 
Na tarde de terça-feira, 19 de dezembro, foi a vez de visitar o prefeito do município de Vista Gaúcha, para seguirmos com a nossa série de entrevistas com os chefes dos executivos da microrregião, fazendo um balanço do primeiro ano de mandato.
Celso José Dal Cero foi eleito via consenso junto com seu vice-prefeito Luís Mantelli Junior para governar Vista Gaúcha numa coalizão partidária que já deixou acertado, inclusive, um consenso para as próximas eleições em 2020.
Uma das particularidades da atual administração é que esse é apenas o terceiro prefeito a governar o município, já que na história de Vista Gaúcha, emancipada em 09 de maio de 1988, houve uma alternância com apenas dois nomes no poder.
No amplo gabinete do executivo municipal, o prefeito Dal Cero, nos recebeu para que pudéssemos conversar sobre as ações executadas por ele e por sua equipe nesta primeira parcela de mandato. Com uma voz mansa e calma, característica do prefeito, ele conversou conosco de maneira muito à vontade.
Na primeira pergunta que fizemos a todos os prefeitos, sobre qual a principal dificuldade enfrentada nesse primeiro ano de gestão, Dal Cero fez questão de ressaltar que sua administração começou muito tranquila. — Nós quando assumimos o município em janeiro, num primeiro momento não sentimos dificuldades, porque a administração passada, deixou a casa em ordem. Não tivemos dificuldades em adequar secretarias ou equipe de servidores, sem contar que iniciamos o ano com dinheiro em caixa.
Celso José Dal Cero, ressalta que se sente privilegiado por ser o terceiro prefeito do município, e que sempre teve em mente que teria que dar sequência ao bom trabalho que era realizado por seu antecessor, Claudemir Locatelli, que comandou o executivo por 16 anos. — Tanto eu quanto o meu vice, sentimos a necessidade de dar sequência no trabalho do ex-prefeito, afinal ele fez um bom trabalho e tinha uma grande bagagem de experiência, inclusive tendo assumido cargos ao nível estadual, mas eu sou amigo dele a muitos anos e conhecendo a sua metodologia de trabalho me senti à vontade para dar sequência ao que ele fazia, mas também para imprimir o meu ritmo na administração.
Sobre as ações que foram tomadas por ele nesse primeiro ano de governo, Dal Cero, ressalta algumas obras importantes. — Ampliamos o galpão do parque de máquinas, adquirimos duas escavadeiras hidráulicas no valor de R$ 850 mil com recursos próprios do município, melhoramos a frota de veículos da educação e saúde, e na educação priorizamos a informatização das escolas com a aquisição de 17 de computadores, pois, entendemos que precisamos dar acesso ao mundo digital principalmente ao aluno mais carente que não tem um computador em casa.
Na área da saúde o prefeito ressalta que foi mantido o repasse de R$ 80 mil reais para o hospital local, além de ampliado para R$ 7 mil reais o repasse para o Hospital Santo Antônio de Tenente Portela. — Também estamos elaborando um convênio com o hospital de Portela para cedermos equipamentos que temos aqui e que não estão sendo usados, já que nosso hospital está impedido de fazer certos procedimentos. — Ressaltou.
O prefeito também comentou sobre as ações que foram adotadas para apoiar a agricultura. Ele conta que foi aprovada uma lei municipal, que o produtor que for investir na suinocultura e vai construir um chiqueirão, o município paga a fundo perdido R$ 10 reais por suíno de sua capacidade. — Por exemplo, se o produtor for construir um chiqueirão para produzir mil porcos, o município repassa a esse produtor R$ 10 mil reais como forma de incentivo. — Explica o prefeito que também comentou sobre outra ação na área da agricultura. — Nós fizemos um projeto de lei, onde o esterco que é tirado da esterqueira de um produtor é transportado até outro produtor sem custo. Antes eles pagavam esse transporte, hoje nós bancamos. — Falou Dal Cero.
Outro projeto importante que está em funcionamento no município é sobre as pastagens forrageiras. — O produtor que adquiriu as sementes junto a municipalidade já tinha o programa que dava um abate de 30%, nós subimos, especificamente para esse ano, mais 20%, ou seja, se o produtor comprou Mil reais vai pagar apenas R$500. - Comenta ele sobre o incentivo.
Sobre um grande projeto, aquele que ele gostaria de deixar como legado, ele explica que seu objetivo está voltado para a área de saúde. — Eu sempre trabalhei na área de saúde. As primeiras redes de água do município foi quando eu era secretário da saúde. Hoje, 25 anos depois, temos água em todo o município, mas já estamos encontrando dificuldades para manutenção dos poços e da distribuição dessa água, meu grande projeto é terminar meu mandato com a certeza de que todas as famílias de Vista Gaúcha, terão água potável e abundante em suas propriedades. — Ele fez uma pausa e já emendou com outro projeto seu. - Também tenho a geração de empregos como um norte do nosso mandato. Atrair investimentos para gerar vagas de emprego para nossa comunidade é uma de nossas prioridades.
Celso José Dal Cero, contou-nos que uma empresa de derivados de carne deve se instalar no município em 2018. Segundo o prefeito o projeto já está completamente elaborado e a agroindústria entrará em funcionamento o mais rápido possível no ano que vem.
Para responder a perguntas se está sendo mais difícil ou mais fácil do que ele imaginava antes de assumir, o prefeito voltou a relembrar os primeiros seis meses de governo. — Nós até comentamos, que se fosse sempre como nos primeiros seis meses, estávamos bem. — Ele disse que o povo deu tempo para que eles se colocassem e ficassem por dentro da administração pública antes de começar a cobrar, mas que graças as condições salutares da economia do município, neste momento, a gestão estava tranquila e dentro da normalidade. — É bom de administrar porque a gente tem o controle das contas do município. A gente sabe o que têm para gastar, sabe onde e como gastar. Temos uma folha enxuta, vamos fechar o ano com apenas 38% do orçamento comprometido com esse quesito, então temos margem para investir.
Sobre sua rotina, ele comenta que as 7 horas da manhã já está em pé e pronto para sair e que quase sempre passa antes nas obras e toma alguns “mates” com os funcionários e depois vai para o passo administrativo atender a comunidade. Durante a tarde ele costuma acompanhar de perto as obras e ações desenvolvidas por sua equipe. — Prefeito de cidade pequena é diferente do de cidade grande, a gente já está em contato com os munícipes desde que acorda e isso é muito gratificante. — Comenta ele, antes de encerrar. — Eu quero que as pessoas que me abraçaram quando eu entrei, continuem me abraçando quando eu sair.



Veja também:
Espalhe por aí


Comentários
Fitflop UK Classic
23h48 do dia 07/07/2018
There's noticeably a bundle to know about this. I assume you made sure good factors in features also.
Fitflop UK Classic http://www.fitflopssaleclearanceuk.com/fitflop-uk-classic-c1.html
Deixe seu comentário
2018, ::Sistema Província:: , Todos os direitos reservados.
C.Albuquerque